AS RESOLUÇÕES DO CONSELHO DE SEGURANÇA RELATIVAS ÀS MULHERES NA APLICAÇÃO DOS PRINCÍPIOS DAS RESPONSABILIDADES "DE" E "AO" PROTEGER

Autores

  • Maria Walkíria de Faro Coelho Guedes Cabral

DOI:

https://doi.org/10.56256/themis.v16i1.621

Resumo

As questões relativas às mulheres tomam um papel central nas discussões relativas às operações de paz, quando da criação, pelo Conselho de Segurança, das Resoluções n. 1325 (2000) e n. 1820 (2008) sobre as mulheres, a paz e a segurança, da Resolução n. 1888 (2009) sobre a violência sexual contra as mulheres e crianças em situações de conflito armado, da Resolução n. 1889 (2009) para aplicação da Resolução n. 1325 (2000), bem como da Resolução n. 1960 (2010), que cria meios de reconhecer os autores de atos de violência sexual em conflitos armados com a elaboração de uma lista, com dados sobre eles. Nesse sentido, o presente trabalho visa entender um pouco das razões para a consolidações de tais resoluções, a partir da Teoria Feminista do Direito.  

Downloads

Publicado

2018-08-31

Edição

Seção

ARTIGOS CIENTÍFICOS